Política

Pasquins voltam a ser usados em cidades do interior do MA

9 de janeiro de 2024

Imaginação fértil usou nomes de novelas e produções Globais…

Pasquim (em italiano: Pasquino) é uma forma de sátira, geralmente uma breve paródia anônima em verso ou prosa, e também pode ser vista como uma forma de caricatura literária. A palavra foi usada para definir também escritos anônimos colocados em um lugar público e que geralmente contém uma mensagem crítica e satírica contra uma pessoa ou organização, como a igreja ou o governo.

O gênero da pasquinada se tornou popular no início da Europa moderna, no século XVI, embora o termo tenha sido usado pelo menos já no século XV. Pasquinadas podem assumir várias formas literárias, incluindo canção, epigrama e sátira. Em comparação com outros tipos de sátira, a pasquinada tende a ser menos didática e mais agressiva, e costuma criticar pessoas ou grupos específicos.

A pasquinada em verso tem uma fonte clássica nos epigramas satíricos de antigos escritores romanos e gregos, como Marcial, Calímaco, Lucílio e Catulo. A sátira menipeia foi classificada como uma espécie de pasquinada. Durante o Império Romano, estátuas eram decoradas com breves versos anônimos ou críticas.

Em Presidente Juscelino, Região Munim do Maranhão, a prática é corriqueira e se torna mais presente na época que antecede o período eleitoral.

Na manhã de hoje, 9, um “Arroto”, como chamam o pasquim na cidade ribeirinha, tomou de conta das rodas de política.

Quem será o (a) autor (a) da obra???

Comentários

Comentários

author-avatar

Sobre Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog

AQUI