Política

Para evitar mais desgaste, Dino fala o que o povo quer ouvir e descarta lockdown

Quem acompanhou as eleições do ano passado viu o governador Flávio Dino (PCdoB) trancafiado no Palácio dos Leões, com medo que se pelava de contrair o coronavírus, uma vez que pertence ao grupo de risco (obeso). Dino fez uma sequência de vídeos em apoio aos seus aliados que concorriam à prefeituras em diversas cidades do MA.

Porém, o ex-Juiz foi forçado a sair da sua zona de conforto e “neutralidade”, tendo que se levantar da mesa grande e ir pra rua pedir votos para o seu pupilo, Duarte Jr. Dino chegou a insuflar a população convidando-a a ir para a Praça do Pantheon, onde a aglomeração imperava em apoio ao ex-PROCON.

Ainda hoje a postagem segue no Twitter, onde Flávio conclamava para o que chamou de “grande união”. Seria união de cepas do coronavírus? Enfim…

Logo após a amarga derrota, Dino mostrou sua face nada pacífica e tratou de adotar medidas que de nada lembravam o governador que chamava o povo pra rua para eleger seu candidato, o que rendeu muitas críticas. Dino chegou a proibir eventos, mas recuou após pressão do setor.

Agora, após Advogados da Defensoria Pública do Maranhão solicitarem um novo Lockdown de 14 dias alegando que o Estado não tem estrutura para segurar uma nova onda da covid-19, o governador quer mostrar o contrário e mudou, de novo, o tom:


E emendou:

Em suma, já é o plano senatorial de Dino (2022) em andamento…

Comentários

Comentários

Conheça o Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog