Política

IPREV prejudica plano de Flávio Dino

O presidente do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Maranhão (Iprev), Mayco Murilo Pinheiro, tem deixando a desejar frente ao posto que comanda no órgão que tem a missão de manter o sustento de quem perde entes queridos e estes eram funcionários do Estado. Porém, meio que “dando de ombros”, Murilo não consegue gerir o Instituto, fazendo com que os segurados tenham como retorno um péssimo serviço à população maranhense.

O contato com o IPREV não existe. Mensagens através de canais on-line não são respondidas e tem casos de pessoas que estão esperando deferimento de pensão por morte desde ano passado, muito antes da pandemia se essa for a desculpa.

Mayco tem muitas funções e, supostamente, não deve sobrar espaço na sua agenda para tratar de assuntos pertinentes ao seu emprego no Governo.

Além de servidor de carreira do Tribunal de Justiça, professor auxiliar da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), Murilo também é professor da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco (UNDB).

Dino precisa olhar com mais carinho para os aposentados e pensionistas do Estado, já que pensa em ser presidente da república e situações do tipo queimam sua largada rumo ao Palácio do Planalto…

Comentários

Comentários

Conheça o Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog