Política

Academia de Letras de Paço do Lumiar se reúne para escolha dos patronos

30 de janeiro de 2015

Membros efetivos da Academia de Letras de Paço do Lumiar estiveram reunidos no último dia 23 para tratar de assunto extremamente importante para qualquer Academia de Letras do mundo: “A escolha dos patronos”.

10245506_235301976663044_5185652323977665654_n

Membros efetivos da Academia de Letras de Paço do Lumiar

O que são os patronos de uma Academia de Letras?
Na Academia Brasilieira de Letras, para cada uma das quarenta cadeiras, os fundadores escolheram os respectivos patronos, homenageando personalidades que marcaram as letras e a cultura brasileira, antes da fundação da Academia.
Foi uma inovação. A Academia Francesa, que servira de modelo, instituíra as cadeiras, mas atendendo apenas a uma numeração de um até quarenta. A escolha desses patronos deu-se de forma um tanto aleatória, com sugestões sendo feitas pelos próprios imortais.
Em Paço do Lumiar, pessoas que contribuiram nas letras, artesm, cultura e social serão colocados em discussão e assim, chegando-se a um denominador comum, escolhidos como “padrinhos” das cadeiras de cada imortal luminense.
Início
A ALPL teve a sua gênese em 2008, tendo como idealizador o professor José Antônio Ferreira da Silva. A priori, promovia apenas eventos literários, tendo escritores, pensadores e demais artistas luminenses como seus integrantes. Mas o seu ápice se deu em 9 de maio deste ano, com a fundação da sua sede própria e registrada em cartório, e como primeira presidente, a professora Ivone Silva Oliveira. Atualmente quarenta imortais ocupam os assentos da Academia, onde atuam como incentivadores à pesquisa, construindo valores humanos, marcando assim, a história de Paço do Lumiar.
O Secretário Geral, Ferreira da Silva disse, que esta primeira atividade sociocultural é a semente que foi plantada anos anteriores e que hoje, estamos colhendo os frutos. “O reconhecimento do público é o reflexo de um trabalho incansável de todos os pensadores luminenses (…)”, concluiu o secretário geral da ALPL.

 

LEIA MAIS:

Membro da Academia de Letras de Paço do Lumiar é destaque em exposição no Odylo Costa Filho.

Ver.Miguel fala sobre a Academia de Letras de Paço do Lumiar; sobre o compositor do hino de Paço – Pedro da Silva Pereira; e sobre o apoio da educadora Ivone Sobreiro.

Membro da Academia de letras da cidade de Paço do Lumiar, na Grande Ilha, Antônio Melo escreve desde os 14 anos, mas somente a partir de 2012 resolveu reunir seus trabalhos e publicar. “É preciso ter coragem para se enveredar pelo mundo da literatura, pois não é fácil publicar uma obra, por mais simples que ela seja e a feira é o espaço perfeito para quem está começando como eu”, garantiu o autor, que pela primeira vez participa da Feira.

PREFEITO PRESTIGIA ANIVERSÁRIO DA ACADEMIA DE LETRAS DE PAÇO DO LUMIAR

 

 

 

 

AQUI