Se Flávio Dino não mudar postura anti-Bolsonaro, o MA sofrerá as consequências

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

O governador reeleito Flávio Dino precisa repensar, urgentemente, a estratégia que vem utilizando – principalmente nas redes sociais – para chamar a atenção do Presidente eleito, Jair Bolsonaro.

Dino apoiou o candidato do PT, Fernando Haddad, que perdeu. Legitimamente, Bolsonaro foi eleito com milhões de votos de diferença. Ou seja, a outorga foi dada pelo povo e não há mais o que se discutir. Flávio Dino precisa descer do palanque e ver o que é melhor para o Estado que governa.

Adotar posicionamento anti-Bolsonaro e atacar por atacar, vislumbrando um dia participar de uma eleição nacional, não ajudará em nada. Pelo contrário, tais gestos refletirão na sua gestão, uma vez que Bolsonaro, empossado presidente, pode muito bem olhar Flávio Dino da mesma forma que o governador olha para ele: com indiferença.

Ainda dá tempo de mudar a estratégia…

Comentários

Comentários

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.