Política

A verdade dos fatos sobre o ‘Colégio Militar’ de Presidente Juscelino, que nunca existiu…

22 de setembro de 2022

“Porque não há nada oculto que não venha a ser revelado, e nada escondido que não venha a ser conhecido e trazido à luz”. Lucas 8:17.

A passagem bíblica incorpora o assunto que vem sendo usado como estratégica política para “fritar” fortes opositores nas eleições de 2024, que já estão latentes dentro do juscelinense que “caiu na real” e não é comissionado, ou é. Sempre um leitor assíduo, o editor da página se depara com o papa dos Jornalistas, George Orwell, que diz:

“A massa mantém a marca, a marca mantém a mídia e a mídia controla a massa”.

No caso em tela, o espetáculo midiático [para controlar as massas] teria sido patrocinado pelo prefeito de Presidente Juscelino, que segundo informantes bem posicionados do blog afirmam que o médico estaria colocando “na reta” de um ex-prefeito e aliado o motivo do desmonte do “Colégio Militar” dos Bombeiros, não Bombeiro, do município.

Instigante como sempre, o site foi atrás de quem, de fato, iria falar – sem falsear a verdade. Segue corpo do e-mail encaminhado ao Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Maranhão, no dia 19 de set. de 2022 (20:42):

Saudações cordiais.
Venho por meio deste e-mail, invocando a Lei nº 12.527/2011, conhecida como Lei de Acesso à Informação – LAI, para solicitar informações sobre uma suposta Escola que estaria funcionando no município de Presidente Juscelino, interior do Maranhão, sem o devido credenciamento da respeitosa Instituição do Corpo de Bombeiros do Estado do Maranhão.
Chegou até a redação deste canal de comunicação informações desencontradas. Apurando os fatos e ouvindo todos os lados, adotamos como melhor medida enviar este e-mail e obter informações diretamente com o CBMMA.
Com a missão jornalística de informar, solicitamos, caso seja possível, um envio de nota relatando se houve a tentativa de usar o nome da Instituição sem a devida autorização.
Certo de que podemos contar com o feedback, aguardamos retorno.
Atenciosamente
Neto Cruz

Contador CRC-MA 012900/O-3

Jornalista DRT 0001792/MA

O e-mail foi prontamente respondido pela ASCOM, que apurou:

Boa tarde,
Em atenção à solicitação, na forma da LAI, o Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão –CBMMA informa o seguinte:
1- Por meios de recentes vídeos veiculados em redes sociais, a Corporação tomou conhecimento da edição do Decreto Municipal n° 08 de 11 de março de 2022, publicado no Diário Oficial do Município de 14 de março de 2022, Ano VI, nº 414, de lavra do Sr Prefeito da cidade de Presidente Juscelino-MA, o qual dispõe sobre a implantação do “PROJETO BOMBEIROS NA ESCOLA” com funcionamento no Centro Municipal Eleodória Jacinta Cantanhede naquele Município.
2- Em face da repercussão dos vídeos, o Sr Prefeito procurou esta Instituição para esclarecimentos, a fim de dirimir dúvidas sobre o funcionamento do referido projeto, reunião esta que ocorreu na data de 19/09/2022, oportunidade em que foi recebido pelo Sr Comandante-Geral do CBMMA.
3- Em reunião, inicialmente foi esclarecido que o referido projeto ora intitulado “BOMBEIROS NA ESCOLA” não se confunde com o programa do Colégio Militar “2 de Julho”, uma vez que a implementação desta Unidade de Ensino Militar perpassa por várias etapas de análises técnicas, o qual se materializa por meio da assinatura de Convênio de Cooperação Técnica entre os partícipes.
4- Foi informado ainda que, atualmente, a Corporação está focada em seus esforços para a implementação das Unidades do Colégio Militar “2 de Julho” nos municípios já conveniadas ao Governo do Estado em 2022, o que não obsta futuras análises para implementações de outras Unidades do Colégio Militar “2 de Julho” em 2023 em municípios que buscarem cooperação técnica com a Instituição.
5- Por fim, reiteramos que inexiste atualmente Convênio de Cooperação Técnica assinado entre a Secretaria de Segurança Pública, por meio do CBMMA, e a Prefeitura de Presidente Juscelino-MA, que tenha por objeto a implantação de Colégio Militar “2 de Julho” do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão.
Atenciosamente,
Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão

FATOS

O vídeo a que se refere a nota, provavelmente, é o a seguir. Nele, o prefeito aparece empavonado e realizado. Tentando tirar proveito político da situação, é possível perceber que até fardamento com símbolo da respeitosa Instituição estava sendo distribuído e alguns alunos já usando a vestimenta, o que merece ser apurado sob diversos prismas. Por exemplo, a fundamentação legal e origem do recurso para, sem conhecimento do alto escalão da Corporação, distribuir a farda que se assemelha ao do Colégio 2 de Julho, que tem como regente o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Maranhão.

Ainda no vídeo, a legenda diz que é uma parceria entre a prefeitura e Corpo de Bombeiros, o que é negado pela nota.

Ciente da mancada, todos os comissionados que compartilharam o post tiveram que apagar, assim como o prefeito. O Colégio voltou ao seu nome original e Pedro se movimenta para não se “queimar” com os Pais e Mães que acreditavam terem colocado, supostamente, seus filhos num colégio de ponta, já que não tem como custearem um “aprendizado” em outra língua, de preferência americana.

Logo, resta cristalino quem é o responsável pelo “projeto” não vingar…

O site tentou contato com a ASCOM da Prefeitura Municipal e SEMED, sem sucesso.

O espaço continua aberto para os devidos esclarecimentos.

Comentários

Comentários

author-avatar

Sobre Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog

AQUI