Esporte

Corregedores de Justiça de todo o país participam de evento no Piauí

29 de março de 2015

Corregedores de Justiça de todo Brasil participam, nos dias 26 e 27, no Hotel Metropolitan, em Teresina (PI), do 68º Encontro Nacional de Corregedores-Gerais dos Tribunais de Justiça do Brasil – Encoge. O evento foi aberto na noite de quarta e teve como tema “Gestão da Informação: garantia de celeridade e efetividade”. A corregedora nacional da Justiça, ministra Nancy Andrighi, desta vez não poderá participar do evento, mas foi representada pelo desembargador Cleones Cunha (TJMA), membro da Corregedoria nacional e responsável pelo acompanhamento das corregedorias da Região Nordeste.

Na foto, o presidente do TJPE, desembargador Frederico Neves, a corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, e o desembargador Cleones Cunha

Na foto, o presidente do TJPE, desembargador Frederico Neves, a corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, e o desembargador Cleones Cunha, em evento posterior

Durante o evento, com foco na celeridade como fator de melhoria da prestação dos serviços judiciais, foram debatidas, entre outras temáticas, o Novo Código de Processo Civil sob a ótica da efetividade; sistema integrado de correição, que é a atividade desenvolvida pelas corregedorias para fiscalização e acompanhamento das ações judiciais nas unidades de 1º grau; e gestão de serventias extrajudiciais, bem como assuntos relacionados a cartórios.

A adoção internacional e os projetos sociais no âmbito do Judiciário também estiveram na pauta do evento que conta ainda com debate acerca do combate ao “uso predatório da Justiça”, a exemplo do excesso de recursos impetrados por grandes litigantes que resultam no congestionamento de ações judiciais e na morosidade processual.

O sistema carcerário foi abordado durante o encontro que teve debates voltados para melhoria desse sistema. Na ocasião, o Judiciário paulista apresentou sua experiência da audiência de custódia e o Tribunal do Piauí destacará a estruturação do grupo de monitoramento carcerário. As duas experiências já foram implantadas de forma pioneira e com êxito no Estado do Maranhão, comprovando a eficácia para a gestão das unidades prisionais.

Presença maranhense – A presidente do Colégio de Corregedores, desembargadora Nelma Sarney, esteve acompanhada de seus juízes auxiliares Tyrone José Silva, Oriana Gomes, José Américo Abreu Costa e Maria Francisca Gualberto de Galiza, que participaram de atividades paralelas. Do Maranhão, também esteve presente o decano do TJMA, desembargador Bayma Araujo, que foi um dos fundadores do Colégio, ainda no ano de 1994.

Continue lendo aqui…

Comentários

Comentários

author-avatar

Sobre Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog