Um mês após promessa, Samu de Paço do Lumiar continua com os mesmos problemas

Tempo de leitura: 3 minutos

Cilindros de oxigênio, macas e o lixo infectante continuam espalhados pelos cantos da unidade. Até a tarde desta quarta-feira a cidade continuava sem ambulâncias disponíveis para atendimento.

pós um mês da promessa da Prefeitura de Paço do Lumiar em resolver os problemas estruturais no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o que pode ser no mesmo local nesta quarta-feira (6) é que tudo piorou. Os cilindros de oxigênio, macas e o lixo infectante continuam espalhados pelos cantos da unidade.

Macas velhar e cilindros continuam jogados pelos cantos na unidade do Samu de Paço do Lumiar (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Macas velhar e cilindros continuam jogados pelos cantos na unidade do Samu de Paço do Lumiar (Foto: Reprodução/TV Mirante)

De acordo com o Ministério da Saúde, a média de ambulâncias tem que ser de uma pra cada 50 mil habitantes. Paço do lumiar tem quase 120 mil habitantes e deveria ter, no mínimo, duas ambulâncias para atender a população. As duas ambulâncias até existem, mas não funcionam. A única que fazia atendimento no mês passado deixou de rodar.

“A única que tinha… nem essa a gente não tem visto mais. Aí se acontecer alguma coisa, um paciente precisar de uma ambulância, como é que ele vai ser atendido?”, afirmou um trabalhador que não quis se identificar.

Até a tarde desta quarta-feira (6), as duas ambulâncias que deveriam atender Paço do Lumiar não estavam em condições de uso (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Até a tarde desta quarta-feira (6), as duas ambulâncias que deveriam atender Paço do Lumiar não estavam em condições de uso (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Os chamados de emergência da cidade são direcionados para o Samu de São Luís ou de São José de Ribamar, que em um ano e meio atendeu mais de 400 pacientes só de Paço do Lumiar.

Além disso, no mesmo prédio onde fica o Samu funciona a Secretaria de Saúde e a Central de Marcação de Consultas de Paço do Lumiar. Nesta quarta-feira (6), mães que haviam marcado consulta com de neuropediatria voltaram para casa sem atendimento médico.

“É uma falta de respeito que eles têm com a gente, principalmente com as crianças. Não tem médico substituto e a gente tem que esperar até a próxima quarta-feira, chegar às 8h para marcar vez, por que é por ordem de chegada, para poder ser atendido não se sabe que horas. Não é nem certeza”, reclamou a dona de casa Carliene Santos, que tinha uma consulta marcada para esta quarta, segundo ela.

Mães que buscavam consulta de neuropediatria tiveram que voltar para casa frustradas em Paço do Lumiar (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Mães que buscavam consulta de neuropediatria tiveram que voltar para casa frustradas em Paço do Lumiar (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Sobre os problemas com a consulta de neuropediatria, a Secretaria de Saúde de Paço do Lumiar disse que a médica faltou por problemas de saúde e acrescentou que tentará agilizar o contato com os pacientes quando, por algum motivo, o médico especialista desmarcar o atendimento.

A respeito do Samu, a Prefeitura disse que as obras da Central do Samu estão em andamento para resolver de vez a falta de infraestrutura do serviço no município e afirmou que, das duas ambulâncias que estavam em manutenção, uma retornou da oficina na tarde desta quarta (6) e já está em funcionamento.

 

 

Lixo infectante também continua exposto na unidade do Samu da cidade (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Comentários

Comentários