FARRA COM O DINHEIRO PÚBLICO – Prefeitura de Pedro do Rosário vai torrar 2 milhões com “material de expediente”

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Irlan Serra foi detido por porte ilegal de arma ano passado e alega ter sofrido agressão física por parte dos policiais

Já caminhando para a derrota nas eleições de 2016 e quase expulso do PTC, o prefeito do município de Pedro do Rosário, José Irlan Souza Serra, O Irlan Serra (PTC), vem fazendo a festa com o dinheiro público na cidade que administra.

Gastos milionários feitos pelas prefeituras maranhenses não são mais novidades, principalmente partindo do Município de Pedro do Rosário.

O gestor já é acostumado a fazer contratos exorbitantes.  Em 2015, A empresa M S N dos Santos foi contratada para oferecer “material de limpeza” pela bagatela de quase R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais).

Desta vez, ele foi além. Irlan contratou a empresa R. de Jesus-ME (CNPJ nº 07.508.301/0001-70) para fornecimento de material de expediente e didático.

O valor ultrapassa os dois milhões: R$ 2.167.977,00 (dois milhões, cento e sessenta e sete mil, novecentos e setenta e sete)

Absurdo! Tal contrato sugere superfaturamento, visto que a cidade encontra-se abandonada e carente em vários setores.

Segundo fontes do blog, O Ministério Público deve agir em breve no município de Pedro do Rosário.

O titular do blog tentou contato com Irlan Serra, sem sucesso.

Veja abaixo o extrato do contrato publicado no Diário Oficial do Estado:

 

 

 

 

 

Comentários

Comentários