Conheça o Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog

Corpo é encontrado por pescadores em Raposa

Pescadores encontraram o corpo de um homem ainda não identificado por volta das 6h da manhã desta segunda-feira 08/06, às margens da maré no viva no Município de Raposa.

O homem de cor branca, trajando camisa azul listrada e somente de cueca, estava com um dos braços amarrados por uma corda.

A polícia foi chamada e acionou peritos do IML – Instituto Médico Legal para as devidas providências.

Ainda hoje mais informações sobre o caso.

Do Blog de Domingos Costa

A picaretagem no jornalismo maranhense, por Itamargarethe Corrêa Lima*


 
Apesar da recente publicação questionando a postura da OAB, acerca da cobrança para aquisição do crachá de acesso ao fórum de São Luís,  num ponto específico, ou seja, na defesa da prerrogativa do advogado, em não dividir espaço no mercado de trabalho com aqueles desabilitados, não posso deixar de externar a admiração que nutro pela entidade, orgulho, que, infelizmente, não tenho enquanto jornalista.
 
Como profissional da imprensa, por conta de um preceito constitucional, sou obrigada a conviver, rotineiramente, com forasteiros despreparados, e sem a devida cognição acadêmica, o que, no mínimo, implica ignorância aos princípios e fundamentos que consubstanciam a Comunicação Social, enquanto ciência responsável pelo estudo dos meios de comunicação de massa.
 
Hoje, eu e os meus verdadeiros colegas, infelizmente, dividimos espaço com picaretas, que ainda se intitulam “profissionais”, sem nem ao menos saber o real significado da expressão utilizada. Refiro-me aquela meia dúzia de canalhas,  que além da falta do conhecimento acadêmico, não possuem o padrão ético-moral indispensável aos formadores de opinião.
Criaturas desonestas que desvirtuam a essência do jornalismo, utilizando o ofício, apenas, para se beneficiar, abrindo empresas e transformando-se em prestadores de serviço junto à administração pública. Trapaceiros desprezíveis que se intitulam os “arautos da moralidade”, no entanto, na prática, são piores que os “batedores de carteira”, aqueles que abordam o cidadão e utilizam a clássica frase, “mãos ao alto”.
Impostores que não são o que aparentam quando estão diante de um microfone ou de uma câmera de televisão, pois, na essência, são propineiros, que usam o poder da mídia, assim como aqueles que criticam, para abarrotar o bolso com o dinheiro saqueado do erário público.
 
Seres hipócritas que falam em dignidade, honestidade e decência, mas que ao vislumbrar a aquisição de um carro do ano, uma casa bem localizada, e uma vida de alto padrão, esquecem que essas conquistas devem advir da combinação competência x trabalho, e não do mau-caratismo.
 
Indivíduos baixos, sem escrúpulos, senso crítico e nem vergonha na cara, que muitas vezes batem no peito se achando “os caras”, dizendo que fazem e acontecem, porém ao virar a esquina ou passar por um corredor de um órgão público, são taxados como bandidos, pilantras e escroques, e o que é pior, ainda vislumbram com naturalidade tais adjetivações.
 
Embusteiros que enquanto estão sendo pagos, alguns a peso de ouro, se fazem de cegos, surdos e mudos, entretanto, tão logo deixam de receber o faz me ri, ainda se acham moralmente capazes de tecer criticas ao outrora patrão.
 
É, lamentavelmente, precisamos reconhecer a dificuldade da nossa entidade classista em nos proteger da convivência com esse tipo de “profissional mela mão”, nos obrigando a projetar nosso olhar, às vezes, para o chão, visto que, quando somos atacados, temos o dever de nos defender.  Fora isso o melhor é seguir o conselho da colega Katia Persovisan, não devendo olhar muito para baixo, haja vista que existem certas pedras que nos impedem de olhar o brilho do sol.
 
Mas antes de finalizar, muito embora esteja tecendo duas críticas aos intrusos, aqueles que não tiveram competência para ladrilhar o caminho correto, não poderia deixar de referendar e, ainda, externar, o meu respeito às exceções, digo, a alguns dos ícones de nossa profissão, que mesmo sem a formação acadêmica, muitas contribuições deixaram ao jornalismo brasileiro e maranhense. Isso foi possível, acredito, pela profunda convivência com textos de qualidade, associado ao balizamento de suas práticas profissionais em consistentes princípios éticos, alicerçado, acima de tudo, por valores como dignidade, caráter e respeito mútuo ao próximo.
*Jornalista, advogada e pós graduanda em Direito Tributário

Parabéns, meu grande amigo, Jean Carlos de Presidente Juscelino…

Hoje é um dia todo especial…
Hoje é o seu aniversário
Um dia em que você dá mais um passo
Para novos caminhos e conquistas,
Um dia marcante em sua coração.
Saiba que você é uma boa parte da minha vida
A parte de alegrias.
Você me ajudou a sorrir
E hoje desejo não só um sorriso seu
Mas um grito de felicidade.
Desejo que você
Ainda dê muitos passos
E conquiste seus objetivos,
Pois capacidade para isso
Não lhe falta.
E que você tenha sempre
A felicidade em seu olhar
Não só neste dia
Mas em toda sua vida.
E é com todo carinho e sinceridade
Que eu te digo:
Parabéns Meu Amigo!!!

“Não podemos banalizar a vida”, afirma Wellington ao lamentar a violência no Maranhão

A sociedade maranhense foi surpreendida, novamente, na última quarta-feira (03) com a notícia de mais uma morte, de mais uma vida sendo ceifada em meio ao público. De um lado, tem-se a morte de um assaltante, um marginalizado por fatores que, aqui talvez, não sejam conveniente mencionar… Um jovem, sim, um jovem assaltante. De outro, uma moça, uma jovem, estudante de enfermagem, com planos e sonhos, com medos e desafios, e com força para lutar, mas que repentinamente teve seus planos massacrados e a sua vida retirada. Episódio extraordinário? Infelizmente, não.

Tem-se aqui 4 assassinatos dentro de coletivos em menos de 1 mês. Em menos de 5 meses, São Luís já soma 186 assaltos a ônibus. Os números de 2015 já representam mais de 50,8% do total de assaltos a coletivos de todo o ano passado.

Ora, o cidadão passa a ter a violência como companhia diuturna e a vida cada vez mais tem sido banalizada. São sonhos, planos, famílias, futuros que estão sendo destruídos… A morte tem se tornado a regra. E a vida? Bem, essa tem sido a exceção.
Não podemos banalizar tal cenário ao ponto de tratar a morte de uma estudante como algo simples e fútil. Não, não o é. São sonhos que não mais existem, um futuro que tornou-se pretérito da forma mais repentina e cruel e, principalmente, uma lacuna que jamais será suprida na realidade dos familiares que perderam um ente querido.

Hoje, o pai de família, o estudante, o trabalhador sai de casa e não mais sabe se poderá voltar para o seu lar. O sentimento de vulnerabilidade permeia a sociedade que, aterrorizada, passa a temer ações que antes seriam comuns, como a simples locomoção através do transporte público.

Deixo aqui as minhas condolências e que Deus possa consolar a todos os familiares e amigos da estudante e de todos aqueles que foram vítimas dos conseguintes da insegurança.

Ressalto o caráter EMERGENCIAL de se enfatizar a Segurança Pública em nosso Estado e, por isso, tenho apresentado, desde o início do mandato, proposições em defesa da Segurança Pública, como as que solicitam a nomeação imediata de mais policiais militares e civis, além de projetos como o que institui a gratificação por arma apreendida. Mais do que meras proposições ou posicionamentos, almeja-se à concretude do direito à segurança e, sobretudo, à proteção daquilo que o ser humano possui de mais importante: a vida!

Prefeitura de São Luís realiza vacinação domiciliar de acamados e pessoas com limitação física

Prefeitura realiza vacinação domiciliar de acamados e pessoas com limitação física

 

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), intensificou nesta última semana da campanha de vacinação contra a gripe o atendimento domiciliar às pessoas acamadas ou com algum tipo de limitação física (devido a fatores como idade ou Acidente Vascular Cerebral – AVC). Neste trabalho, profissionais da saúde da Semus se dirigem até as residências destes pacientes para a aplicação das doses da vacina.

Todas as 66 unidades de saúde que estão funcionando como postos da campanha de vacinação realizam diariamente a visita domiciliar a esse público, desde que os endereços tenham sido informados previamente nas unidades ou através dos agentes comunitários de saúde.

A secretária municipal de Saúde, Helena Duailibe, lembra que a campanha está encerrando e que todos os esforços estão sendo feitos para garantir a cobertura vacinal da população prioritária, definida pelo Ministério da Saúde, para a capital maranhense.

“A prevenção das doenças evitáveis é uma das prioridades da gestão do prefeito Edivaldo e a vacinação é fundamental para garantir a saúde integral da população; por isso, pedimos a quem não vacinou que procure os postos. Quem não puder ir à unidade de saúde deve solicitar o atendimento domiciliar”, destacou.

Um dos pacientes atendidos na manhã de segunda-feira (1º) pela equipe da Prefeitura foi José de Ribamar Pires, morador da Fé em Deus. Devido a um AVC e a outros problemas de saúde, o aposentado de 83 anos está acamado em sua residência.

O pedido para que o paciente fosse vacinado foi feito pela irmã dele, Laurene Lisboa, que também aproveitou para se vacinar. “Como meu irmão não anda mais, liguei para a direção do Centro de Saúde da Liberdade para que ele fosse vacinado. Graças a Deus isso ocorreu e ele agora está protegido”, disse Laurene.

BOMBA – Prefeito de Anajatuba é denunciado por suspeita de fraude no seguro DPVAT

O prefeito de Anajatuba – Helder Lopes Aragão(PMDB), que desde o mês de novembro de 2014, encontra-se envolto em um turbilhão de denúncias de fraude em licitação e desvio de milhões e milhões de verbas da saúde e educação do fundo municipal, volta a baila, desta feita, denunciado, sucessivamente, por crimes de fraude processual e uso do documento falso.
As ações de nº 14121/2015 e 17545/2015, que tramitam na 3ª e 5ª Vara Criminal da Comarca de São Luís, respectivamente, tem como autora a Seguradora Líder. Além do prefeito, na condição de advogado, a possível vítima e outro causídico, foram denunciados por conta de um pagamento de mais de R$ 17 mil reais do Seguro DPVAT, quantia que já se encontra depositada em juízo.
Embora estivesse tramitando no juízo de primeiro grau, em razão do foro privilegiado de Hélder, os processos foram encaminhados ao Tribunal de Justiça. De acordo com informações da seguradora, Helder está habilitado no processo para atuar como representante da vítima, muito embora o inciso I, do art. 28, da Lei 8.906/94 vede.
O prefeito, ainda segundo a parte autora, estaria sendo investigado pelos órgãos de repressão criminal, em mais de uma dezena de processos fraudulentos do seguro DPVAT. No processo que apura o crime de uso de documento falso, a seguradora questiona a autenticidade dos documentos, como exame de corpo de delito, boletim de ocorrência nº 212, registrado no dia 14.10.2010, relatório de atendimento médico e procuração, não autênticos, apresentados pelo prefeito/advogado, e que são essenciais para a liberação do pagamento do seguro.
Já na fraude processual, o fato de Helder está habilitado para atuar em um processo, mesmo estando legalmente suspenso de exercer a advocacia, por conta do cargo público, acarretou na denúncia feita pelo órgão ministerial e acatada pelo poder judiciário. As duas ações deverão ser distribuídas a um desembargador relator nos próximos dias.

Prefeito de Paço do Lumiar encaminha nota de esclarecimento sobre interrupção da coleta de lixo na cidade.

 

A Prefeitura Municipal de Paço do Lumiar, consciente da essencialidade dos serviços de coleta de lixo, vem a público esclarecer que nos últimos três dias, o recolhimento dos resíduos sólidos em todo o município vem sendo comprometido pela interdição do lixão, por um grupo de pessoas residentes nos arredores do local de acesso ao desbordo do lixo. Grupo este, que vem investindo contra a instalação do Aterro Sanitário naquela localidade, inviabilizando, desse modo, a destinação adequada do lixo produzido no município.
O problema instalado pela manifestação de moradores vem somando danos e transtornos à saúde pública dos demais cidadãos. Na oportunidade aproveitamos para esclarecer que, da parte do município todos os serviços de recolhimento do lixo se mantêm regularmente ativo, não havendo nenhum tipo de pendência financeira com a prestadora do serviço.
Solicitamos a compreensão da população e reiteramos que, no menor espaço de tempo possível, a coleta estará totalmente normalizada, pondo fim aos transtornos. Nesse sentido, solicitamos que a população continue acondicionando o lixo em frente às suas residências, nos dias e horários nos quais o caminhão costuma fazer o recolhimento.
Concluímos reafirmando o nosso compromisso ao enfrentamento dos principais problemas ambientais, sociais e econômicos decorrentes do manejo inadequado dos resíduos sólidos durante todas as gestões anteriores, e ratificamos nosso pioneirismo na instituição do Plano Municipal de Resíduos Sólidos, através da criação de instrumentos de planejamento municipal para o gerenciamento de seus Resíduos Sólidos, em conformidade com a Lei.
Recentemente o Tribunal de Justiça do Estado, proferiu decisão que permite à Prefeitura, o transbordo dos resíduos sólidos no lixão até que seja instalado o aterro sanitário.

Paço do Lumiar, 04 de junho de 2015
JOSEMAR SOBREIRO OLIVEIRA
Prefeito Municipal

Inscrição para Enem termina nesta sexta; taxa tem de ser paga até quarta

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terminam hoje, e até o início da tarde de ontem a adesão estava aquém do esperado pelo Ministério da Educação (MEC). Segundo o último balanço divulgado pela pasta, até as 10h de ontem 5,8 milhões de estudantes estavam inscritos. A expectativa do MEC é de nove milhões de candidatos para a edição do Enem neste ano. A inscrição é feita pela internet, no portal enem.nep.gov.br.

Foto: Agência Brasil

O candidato precisa ter em mãos seu RG, o número do seu CPF e um endereço de e-mail pessoal. Neste ano, o mesmo endereço de e-mail não poderá ser usado em mais de uma inscrição no exame. É necessário informar também um número válido de telefone fixo ou de celular. As provas serão realizadas no fim de semana de 24 e 25 de outubro.

São isentos da taxa de inscrição os concluintes do ensino médio em 2015 matriculados em escolas da rede pública e as pessoas que se declararem carentes. O restante dos participantes deve pagar a taxa de inscrição até as 21h59 do dia 10 de junho.

Neste ano, a taxa subiu de R$ 35 para R$ 63. O boleto bancário é criado na opção Gerar GRU. A página será aberta em uma outra janela, por isso é preciso habilitar a abertura de pop-ups no navegador. Caso a taxa não seja paga, a inscrição do candidato será cancelada.

A nota do Enem é usada como seleção de alunos de 115 instituições públicas de ensino. Também é critério para bolsas do Programa Universidade para Todos (Prouni) e Financiamento Estudantil (Fies). Além disso, estudantes maiores de 18 anos podem obter a certificação do ensino médio por meio do Enem.

Uma das mudanças do Enem 2015 é a possibilidade dos candidatos que sejam travestis ou transexuais poderem usar o nome social. A inscrição deve ser feita normalmente. Depois, entre 15 e 26 de junho, eles devem encaminhar, pela internet, cópia de documento de identificação, uma foto recente e o formulário preenchido. A possibilidade foi criada em 2014, porém era preciso solicitar o uso por telefone.

Quando o Enem é utilizado
Fies: A partir deste ano, para ter direito ao financiamento, os estudantes precisam ter a nota mínima de 450 pontos e não ter zerado a redação.

Sisu: Usa as notas do exame para fazer a seleção de ingresso nas universidades. Ao todo, 115 instituições públicas estão habilitadas no sistema.

Prouni:  O programa oferece bolsas integrais ou parciais para estudantes em instituições particulares. Para ter acesso à bolsa, é necessário ter, no mínimo, 450 pontos e não ter zerado a redação.

Pronatec: Oferta cursos de educação profissional e tecnológica. Os estudantes precisam se cadastrar no site do Sisutec, que usa as notas do exame.

Ciências Sem Fronteiras:  Para os estudantes que vão se inscrever na modalidade graduação-sanduíche, é necessário ter nota igual ou acima de 600 pontos.

Certificado do EM: Com a nota é possível obter a certificação de conclusão do ensino médio.