Política

Ribamar: Secretário de Saúde é exonerado sem receber nem o primeiro salário; saiba motivo

O prefeito de São José de Ribamar, Júlio Matos, exonerou ontem seu secretário de Saúde com apenas um mês no cargo, sem o coitado receber nem o primeiro salário, cujo pagamento, depois de 20 anos de várias gestões, incluindo os seis desastrosos anos de Gil Cutrim, volta a atrasar.

Além da exoneração do secretário indicado pelo deputado federal Josimar Maranhãozinho (patrocinador da eleição de Julinho), Eduardo Buna, foram exonerados ainda, só da Secretaria de Saúde, a secretária adjunta de Assistência à Saúde, Regiane Mendonça Cutrim Costa; Maria Irismar Monteiro Santana, do cargo de Chefe de Unidade de Saúde; Suelen Nogueira Linhares Lima, do cargo de Chefe do Departamento de Saúde Bucal; Roberto Franklin, do cargo de Chefe do Serviço de Saúde Bucal; Arlene Rocha da Silva Neta, do cargo de Coordenadora do Fundo Municipal de Saúde e José Wladmir Ferreira da Silveira Junior, do cargo de Chefe do Serviço de Saúde Bucal.

Os fatos – Desde as primeiras horas da manhã de ontem, corria à boca miúda nos corredores da Secretaria de Saúde que pelo menos uns dez servidores seriam exonerados da pasta.

No começo da tarde, outra informação circulou nos quatro cantos de Ribamar. Essa dava conta de que o secretário havia pedido exoneração, depois de saber da suposta “expulsão” do cargo.

Não deu outra: no final da tarde não só o secretário de saúde, mas outros seis apareceram no Diário Oficial do Município na lista de exonerados.

Motivo – Uma queda de braço entre o filho do prefeito Julinho, Júlio Filho; a primeira dama, Gilvanna Dualibe, mancomunada com a tia, deputada estadual Helena Duailibe; o deputado federal Josimar Maranhãozinho, representado pelo inexperiente Eduardo Buna, e o forasteiro vice-prefeito, Júnior Lago, teria sido o motivo da caneta revoltada de Julinho.

Há 15 dias, no gabinete do secretário, uma gritaria chamou a atenção até de quem estava na parte térrea do prédio. Era Júlio Filho com o imberbe, indicado de Maranhãozinho, Eduardo Buna, quase indo aos tapas por nomeações e outros espaços de poder.

Resultado: o desentendimento chegou aos padrinhos dos personagens das diversas ilhas de poder, que, prevendo um desgaste maior, tentaram resolver de forma pacífica.

E, por um tempo, até que conseguiram.

No entanto, desde o final da semana passada as discussões voltaram à tona e a solução foi refazer o quadro da secretaria de saúde do município com as exonerações.

Enquanto isso, a população ribamarense assiste a um mês de gestão totalmente perdida e apática, com decisões importantes para a saúde pública sendo ignoradas, como o plano de imunização, por exemplo, que nunca aconteceu, destoando vergonhosamente dos demais municípios.

Comentários

Comentários

Conheça o Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog