Política

Ribamar: antes de exonerar, Dr. Julinho ‘quase mata’ secretário de saúde

O prefeito Dr. Julinho resolveu deletar o indicado de Maranhãozinho de vez da sua gestão, por meio de exoneração. Todo desatualizado dos padrões atuais de aplicação -, há quem diga que o obstetra “quase mata” seu secretário de saúde aplicando a vacina contra a Covid-19.

Ontem, Julinho deu uma guilhotinada no coitado do Eduardo Buna, que não recebeu nem o primeiro salário, que, inclusive, ninguém sabe quando vai receber em Ribamar.

Trata-se de um absurdo que remonta a um tempo tenebroso da história que tem o próprio Julinho como protagonista. Foi na sua primeira passagem pela prefeitura, quando atrasou em até em sete meses o salário dos professores.

Agora, neste primeiro mês ele pagou os vencimentos dos aposentados e efetivos. Os comissionados, no entanto, até agora não viram a cor do didin da atual gestão.

Mas voltando à aplicação da vacina fora dos padrões atuais, essa não é uma afirmação do blog. De acordo com o Professor Raphael Marinho:

“A aspiração no momento da administração do imunobiológico em tecido muscular, para verificar se foi atingido vaso sanguíneo, NÃO está mais indicada”.

No vídeo, num “momento histórico” de erro, Julinho admite fazer exatamente o contrário. Confira e tire suas próprias conclusões…

 

 

Comentários

Comentários

Conheça o Neto Cruz

Contador (CRC/MA 012900), Jornalista (DRT 1792/MA), Acadêmico de Direito, Membro Fundador e Efetivo da Academia de Letras de Paço do Lumiar . Criou o Blog do Neto Cruz em 29 de Novembro de 2010. E-mail: [email protected] Instagram: @netocruz_doblog