PRESIDENTE JUSCELINO - Pelo menos 6 pré-candidatos já ensaiam lançamento - Neto Cruz

PRESIDENTE JUSCELINO – Pelo menos 6 pré-candidatos já ensaiam lançamento

Avatar

O cenário político de Presidente Juscelino até então parecia desenhado, para as eleições de 2020. Porém, confirmando a máxima do saudoso Magalhães Pinto de que “política é como nuvem. Você olha e ela está de um jeito. Você olha de novo e ela já mudou” serve para o que está por vir.

Segundo interlocutores do Blog, o pleito do ano que vem contará com no mínimo 6 nomes, até o momento. São eles: Márcio Teixeira, ex-secretário de cultura do município, que pediu exoneração por se sentir “engessado”. O mesmo apoiou Ariston, que está prestes a assumir uma cadeira no parlamento estadual, via reforma administrativa do governo do estado; Afonso Celso, ex-prefeito que com menos de um mês de campanha, ainda conseguiu captar sufrágios expressivos para os seus candidatos nas eleições de outubro passado. Ex-apaixonados pelo amigo de “Lairton dos Teclados” dizem que o “homem está morto“, algo que o titular desta página discorda veemente.

Seguem no páreo o advogado “Cardosinho”, que apoiou o deputado federal eleito Pedro Lucas Fernandes e o suplente Edivaldo Holanda “Pai”, que deve assumir em breve na ALEMA; o próprio Magno Teixeira, prefeito atual que vem colocando a folha de pagamento em dia e promete dar um “choque” na gestão nos próximos meses; o ex-prefeito e “fiel” da balança, Carrinho Castro, que é um exímio articulador político  e tem votos cristalizados a seu favor – responsável por sucessivas vitórias na região munim do seu candidato Eduardo Braide – e o médico Dr. Pedro, que vem tentando criar um grupo político com “dissidentes” do ex-prefeito Afonso Celso.

Correndo por fora alguns outros nomes, sem expressão, que o titular do Blog achou melhor não elencar.

Nas eleições de 2016, das 31 seções, somando-se os votos válidos, nulos e em branco, chegou-se a 7611 votos, na ponta do lápis.

Com esse números de candidatos, obviamente, haverá um fracionamentos desses votos, o que pode ocasionar um resultado muito diferente do que se espera.

Aguardemos…