Edilázio denuncia omissão da AMMA e do TJMA a ataques contra Juíza Anelise Nogueira

Tempo de leitura: 1 minuto

A juíza Anelise Nogueira Reginato, da 8ª Zona Eleitoral de Coroatá vem sofrendo atos criminosos de desmoralização e ameaças por conta de uma decisão que condena o chefe dos comunistas do Maranhão. A juíza é filiada da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), que silencia diante dos horrendos ataques à magistrada.

 

O deputado Edilázio em ato de solidariedade repudiou os ataques públicos à magistrada e cobrou um posicionamento da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA) e do Tribunal de Justiça.

 

“Temos aqui de nos solidarizar com uma juíza séria, uma juíza competente que não tem amizades aqui em nosso estado e que chegou ali e cumpriu o seu papel, teve o discernimento e arbítrio para decidir aquilo que achava correto. E assim que a dra. Anelise assinou a decisão, começou a ser atacada, atacada a sua honra, a sua dignidade como magistrada. E aqui ainda não vi, senhor presidente, a Associação dos Magistrados do Estado do Maranhão ou o Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão emitir uma nota sequer a favor da honrada magistrada”, afirmou.

 

O parlamentar enfatizou que o governador Flávio Dino, logo após a decisão judicial desfavorável, sugeriu interferência política de adversários na sentença. A acusação também atinge a integridade da magistrada.

Comentários

Comentários