Flávio Dino muda o discurso e tenta fazer o caminho de volta

Tempo de leitura: 2 minutos

Há exato 1 mês, o governador do MA rasgou sedas ao pedetista Ciro Gomes, como pré à presidência da República. Percebendo  a “merda” que tinha feito, Dino, agora, diz que “Bloco liderado por Lula tem tudo para vencer a eleição”, na tentativa de captar os votos de Lula.

É possível confiar nas palavras de Dino? Que o digam Zé Reinaldo, Waldir Maranhão e seu ex-aliado, Roberto Rocha…

Relembre:

De acordo com reportagem de Thais Bilenky, na Folha de S. Paulo, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), defende que não só o PCdoB, como também o PSOL e o PT abram mão de suas pré-candidaturas para apoiar Ciro Gomes (PDT) na eleição para a Presidência da República.

Segundo ele, a união da esquerda se daria em torno de Ciro, porque ele “é hoje e o melhor posicionado”. Lula está inabilitado e “o PT não tem nome capaz de unir nesse momento”, disse.

“Está chegando o momento de admitir uma nova agenda. Se não oferecermos uma alternativa viável, você pode perder a capacidade de atrair outros setores do centro que se guiam também pela viabilidade”, disse na sexta (4), na sede do governo.

Dino disse que a prisão de Lula é “muito dilacerante, muito traumática, uma tragédia política, a maior derrota da esquerda brasileira desde o golpe [militar] de 1964”. 

Leia a matéria completa na Folha

LEIA MAIS

“Bloco liderado por Lula tem tudo para vencer a eleição”, afirma Flávio Dino

Foto: Agência Brasil

Muito atuante em suas redes sociais, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), utilizou o Twitter para avaliar a pesquisa do Datafolha, divulgada neste domingo (10), que aponta o ex-presidente Lula com 30% das intenções de voto.

Em seu post, Dino destaca a supremacia de Lula. “A Pesquisa Datafolha mostra que o bloco nacional e popular, liderado por Lula, tem tudo para levar um candidato ao 2º turno e vencer. Ou ele próprio, ou quem ele indicar. Fundamental é a união, como a Frente Ampla do Uruguai ensina”, reflete.

Flávio Dino

@FlavioDino

Pesquisa DataFolha mostra que o bloco nacional e popular, liderado por Lula, tem tudo para levar um candidato ao 2º turno e vencer. Ou ele próprio, ou quem ele indicar. Fundamental é a união, como a Frente Ampla do Uruguai ensina.

Comentários

Comentários