Solidariedade bate meta de filiados e discute eleições de 2018

Tempo de leitura: 1 minuto

Com mais de 20 mil filiados, a sigla é uma das que mais cresce no Maranhão

Durante reunião realizada em São Luís, o presidente do Solidariedade, Simplício Araújo, voltou a afirmar que a sigla deve sair em chapa única e o partido pretender indicar o candidato a vice governador na reeleição de Flávio Dino.

“Estamos pleiteando a prioritária. Vamos participar do processo para indicar o vice governador na chapa do Governador Flavio Dino”, afirmou Araújo, que é secretário de Indústria, Comércio e Energia, do Governo.

O encontro que reuniu centenas de dirigentes municipais, foi para marcar os 8.077 filiados nos últimos tempos. A meta era filiar 7.777 novos membros, número ultrapassado pelo SD, que conta com mais de 20 mil filiados no Maranhão.

O partido vem ganhando força e espaço, é se prepara para a disputa da eleição de 2018, tema abordado durante o evento. De acordo Araújo, a sigla pretender eleger de 4 6 deputados estaduais e 2 federais.

Resgate da política

Durante o evento, o ex-deputado e membro da diretoria do SD,  Vagner Lago, lembrou que é necessário fazer um resgate da Boa política e citou o exemplo de gestão do Governo Flávio Dino e dos trabalhos exercidos por Simplício Araújo.

” O nosso partido está presente no Governo do Maranhão com muita força! Estimulando o empresariado local. Eu parabenizo os senhores que estão se filiando hoje. Me considero um soldado do partido e mais do que isso, me considero parte dessa revolução do Maranhão”, afirmou.

Mulheres na política

Quase 50% dos filiados do SD são mulheres, ponto frisado pela Secretaria da mulher da sigla, Cristiane Bacelar. Para ela, o partido busca constantemente debater a boa política.

“Sejamos protagonistas nos nossos municípios. O Solidariedade é um partido diferente e unido! É necessário discutir o papel da mulher nesse processo. Temos quase 50% de mulheres filiadas”, destacou.

Comentários

Comentários