Debate destaca medidas para impulsionar tecnologia maranhense

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Com o objetivo de discutir a importância e medidas de valorização do Centro de Lançamento de Alcântara-CLA e o desenvolvimento tecnológico maranhense, os deputados estaduais Rubens Jr. e Bira do Pindaré, realizaram na manhã desta quinta-feira (22), na assembleia legislativa do Maranhão, o I Debate Tecnológico 
unnamed (1)

O evento contou com as presenças do vice-governador, Carlos Brandão, do deputado federal eleito, Julião Amin, do diretor do CLA, Coronel Aviador Cláudio Olany, o reitor do IFMA, Prof. Dr.Roberto Brandão Ferreira, além de docentes das principais instituições de ensino superior do estado, líderes de movimentos estudantil e social e membros das comunidades quilombolas de Alcântara.
O coronel Cláudio Olany, foi um dos palestrantes do evento destacando que ao longo de 30 anos, o Centro de Lançamentos de Alcântara já realizou mais de 450 lançamentos de foguetes. Ressaltou ainda a importância de parcerias com o governo estadual e federal para o desenvolvimento do projeto e integração com a população. Vale ressaltar, que a posição privilegiada faz da Base de Alcântara uma das mais importantes do mundo.
Em seguida, o professor doutor Areolino Almeida, docente da Universidade Federal do Maranhão, destacou a missão do governador Flávio Dino em investir no ensino e na produção tecnológica maranhense e a importância de trazer o projeto para o entendimento público. Ressaltando a urgência numa solução na questão das comunidades quilombolas retiradas da sua tradicional terra para a implantação do Centro.
Para o líder da oposição na assembleia, Rubens Jr., o investimento no crescimento tecnológico maranhense é fundamental para a maturidade profissional do estado e citou os Centro Vocacionais Tecnológicos – CVTs como exemplo a ser seguido no Maranhão. ” Ao todo, o Brasil possui 243 CVTs, destes, apenas 1 está localizado no Maranhão. Nossa ideia é expandir esses centros para explorar o potencial de cada região.” afirmou Rubens Jr.
Ao finalizar, Rubens Jr. lembrou que o debate deve ser seu o último ato oficial como deputado estadual, uma vez que no dia 1° de fevereiro o mesmo assume o cargo de deputado federal em Brasília, mas que espera que o evento tenha servido como o inicio de um processo de expansão tecnológica no Maranhão. ” Quero aproveitar o espaço para parafrasear a deputada Terezinha Fernandes, ‘se o Maranhão é o melhor lugar do mundo para se lançar foguetes e o segundo melhor do mundo para se atracar navios, eu gostaria de ver o Maranhão como o melhor lugar do mundo para se garantir direitos.'”.
Representantes do movimento social, estudantil, Senai, universidades e quilombolas participaram do debate após as duas palestras, colocando fatos históricos que necessitam de um olhar técnico e político. A secretária estadual de juventude, Tatiana Pereira, encerrou as falas referendando o papel da tecnologia para a capacitação dos jovens maranhenses.
As sugestões levantadas durante o evento irão compor uma pauta que será levada pelos deputados Rubens Jr. e Bira do Pindaré ao ministro de ciência, tecnologia e inovação, Aldo Rebelo, no mês de fevereiro, em Brasília.

Comentários

Comentários