Sérgio Sombra assume JUCEMA hoje, dia 08

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

10888363_983563638323877_9057223907819991705_n
Sérgio Sombra

O presidente da Junta Comercial do Estado do Maranhão (Jucema), Sérgio Silva Sombra, será empossado nesta quinta-feira (08), às 16h.  A cerimônia será realizada na sede do órgão e contará com as presenças do secretário de Estado da Indústria e Comércio, Simplício Araújo, dos representantes do colégio de vogais, funcionários e demais autoridades convidadas.

No primeiro ato da solenidade, Sérgio Sombra toma posse como vogal titular da Junta Comercial representando o Governo do Estado. O ato será conduzido pelo presidente em exercício da Jucema, José Olívio Cardoso Rosa. No segundo momento da cerimônia, Sérgio Sombra será empossado pelo secretário Simplício Araújo como novo presidente da Junta Comercial.

Na ocasião, o presidente empossado apresentará aos convidados as metas e projetos previstos para modernizar e aprimorar o trabalho do órgão, como forma de contribuir com o novo momento que o Maranhão está vivendo. Um das metas é garantir maior agilidade e redução da burocracia na abertura de empresas. Ele adianta que o objetivo dessas ações é fazer com que o prazo de registro seja mais curto, sem abrir mão da segurança.

Perfil

Sérgio Sombra é empresário e possui graduação em Economia pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Especialista em Gestão de Empresas (ESPM) e Marketing de Varejo (FGV), ele é conselheiro do OGMO-ITAQUI 2014-2017 e diretor da Associação Comercial do Maranhão (ACM-MA).

Jucema

Prestes a completar 164 anos, a Jucema tem como missão executar o registro e arquivamento dos atos das empresas maranhenses. O órgão, que é vinculado tecnicamente ao Departamento de Registro Empresarial e Integração (DREI) e subordinado à Secretaria de Estado da Indústria e Comércio, tem o desafio permanente de desburocratizar os processos de abertura de empresas e tornar os serviços mais acessíveis aos clientes.

A Jucema possui 11 escritórios regionais, localizados nos municípios de Imperatriz, Açailândia, Bacabal, Santa Inês, Viana, Pinheiro, Chapadinha, Barra do Corda, Presidente Dutra, Caxias e Balsas. Na capital maranhense, além da sede, duas unidades descentralizadas funcionam nos Viva Cidadão da Praia Grande e do João Paulo. Todas as unidades estão aptas para fazer os registro e legalização dos atos das empresas.

Comentários

Comentários