CRIME//» Vigia assume autoria do assassinato do advogado Brunno Matos

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Márcio Dominici, delegado do 7º Distrito Policial, em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira, informou que o vigia da casa de Carlos Alberto Marão Filho, assumiu a autoria do assassinato do advogado e assessor jurídico da prefeitura de São Luís, Brunno Matos, no dia 6 de outubro.
1gGKI8hL_400x400
João José Nascimento Gomes, o vigia, confessou ter matado a facadas o advogado, que comemorava a vitória do candidato ao senado, Roberto Rocha (PSB). De acordo com o delegado, João Gomes já está detido e deve ser processado por homicídio, tentativa de homicídio e agressão grave.

Em depoimento, o vigia afirmou que percebeu uma confusão envolvendo seu patrão, Carlos Humberto Marão Filho, e interviu para ajudá-lo, golpeando Bruno e outras duas pessoas.
A confissão gera uma reviravolta no caso, que tinha como principal suspeito do crime Carlos Alberto. Detido no Centro de Triagem de Pedrinhas, Carlos Alberto deve ser liberado ainda hoje.

Diego Polary, supostamente envolvido no crime, será indiciado. De acordo com o delegado, o inquérito foi concluído e será encaminhado ao Ministério Público.

http://www.oimparcial.com.br/

Comentários

Comentários

1 comentário

Comentários encerrados.